.: TRADUZIR O BLOG PARA :.
.....
English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
.

Seguidores

4 de jan de 2012

CONSTRUINDO UM CASAMENTO SOBRE A ROCHA


Mt 7.24-27
Hoje teremos a alegria de pedir as bênçãos de Deus sobre o casamento de dois de seus filhos. Por que não usarmos esta oportunidade para refletir sobre o significado de construir um casamento sobre a rocha? Todos querem, sonham com um casamento feliz, duradouro, abençoado, que seja exatamente o que Deus planejou para seus filhos. Segundo Jesus, este casamento existe, é possível. É somente construí-lo sobre a rocha. O que significa construir um casamento sobre a rocha?
I – É PRATICAR A PALAVRA DE DEUS QUE SE OUVE
Esta é uma parábola cuja mensagem está dentro dela mesma. Lucas 6.46-49 também registra esta palavra do Senhor, mas com um pouco mais de riqueza. Lucas registra que Jesus disse que, quem ouve sua palavra e não pratica é hipócrita; pois o chama de Senhor, Senhor, e não faz o que ele manda!
Lucas também enriquece sua narrativa ao dizer que, ao ouvir e praticar a Palavra de Deus, o homem prudente cavou fundo, abriu uma profunda vala. Em outras palavras, construir um casamento sobre a rocha, exige sair da superficialidade dos conceitos e valores tão comuns aos que fracassam.
Observe que tanto o homem sábio, prudente, como o insensato, ambos ouvem a Palavra de Deus. Onde está a diferença? O sábio, o prudente pratica! Todos os nossos males seriam resolvidos se tão somente praticássemos a Palavra de Deus que ouvimos.
Isso acontece na educação dos filhos, nos relacionamentos sociais, familiares, de trabalho, em nossa saúde, no planejamento do nosso futuro; mas, hoje, nos interessa tão somente a questão do casamento.
E O QUE DEUS NOS FALA SOBRE O CASAMENTO? O QUE TEMOS OUVIDO DA PALAVRA DELE SOBRE CASAMENTO PARA PRATICARMOS?
1.1. Ele nos diz que edificar, construir um casamento feliz, sólido, abençoado, SOBRE A ROCHA, é uma tarefa divina, impossível aos homens sem sua intervenção? Salmo 127.1-2
Por mais que amemos, nosso amor é imperfeito (só amamos porque Ele nos amou primeiro)
Por mais que sejamos perfeitos, nossa perfeição é imperfeita (nossas boas obras são trapos de imundície sem sua graça, sem seu amor, sem sua salvação)
Nossos instintos, nossos maus hábitos, nossa concupiscência, só podem ser vencidas pelo seu Espírito, pelo andar no Espírito.)
1.2. Deus diz que, no casamento, o foco deve ser a felicidade do casal (gozar a vida), e não o correr atrás das riquezas, o exagerarem no trabalho (Ec 4.7-9)
1.3. Deus diz que o casamento é feito para o cuidado mútuo, a proteção recíproca, para o companheirismo nas lutas da vida (Ec 4.10)
1.4. Deus diz que o casamento é feito para se enfrentar a frieza da vida à sós (Ec 4.11). O problema não é a frieza da noite, do inverno, mas da solidão. Deus já havia dito lá no princípio: Não é bom que o homem esteja só!
1.5. Deus diz que o casamento é feito para se enfrentar inimigos (Ec 4.12). Observe que há inimigos que os dois poderão vencer apenas com a força da união; mas, haverá inimigos no casamento, que somente com Deus se vencerá. Isso está implícito pela expressão “o cordão de três dobras”. Por que três, se até agora, o escritor vinha falando sobre dois, dois? Esse terceiro cordão que faz um casal invencível diante dos inimigos é o Senhor Deus.
1.6. Deus diz que a esposa deve ser submissa ao marido
1.7.  Deus diz que o marido deve amar sacrificialmente a esposa.
Conclusão
A rocha aqui é a obediência à Palavra de Deus; é a prática de tudo aquilo que se houve, se lê, se conhece sobre ela.
Tiago 1.22 diz que quem apenas ouve e não pratica a Palavra, engana-se a si mesmo.
Em Mateus 7.21 Jesus diz que, quem vai entrar no céu não são os ouvintes da Palavra, mas os praticantes.
Em 12.50 ele volta a afirmar que, seus irmãos não são os ouvintes da Palavra, mas os praticantes
Em João 13.17 Ele chama de bem-aventurados, não os ouvintes, mas os praticantes da Palavra
Paulo diz em Romanos 2.13 que não são os ouvintes da Palavra de Deus que serão justificados, mas sim os praticantes.
Finalmente, a Bíblia é fechada com Jesus dizendo “bem-aventurados aqueles que praticam as palavras deste Livro” (Ap 22.7)
Pratique isso que você ouviu da Palavra de Deus sobre o casamento. Quem sabe você até já leu, sabia; mas ainda não praticava. Aí está o desafio para, a partir de hoje, construir um casamento sobre a rocha. As tempestades, os ventos batem, assopram sobre ele todos os dias. A única esperança para ele não ruir, é estar construído sobre a rocha da obediência à Palavra de Deus.
 
Por: Pastor Genevaldo



























Nenhum comentário:

Postar um comentário