.: TRADUZIR O BLOG PARA :.
.....
English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
.

Seguidores

23 de jan de 2013

Um culto bem diferente… (Faltando energia direto) Mas o Senhor estava presente.

 

+ Leia mais...

21 de jan de 2013

No Egito, família inteira é condenada à prisão por se converter ao cristianismo

 

No Egito, família inteira é condenada à prisão por se converter ao cristianismo

Uma família completa foi sentenciada a 15 anos de prisão por se converter ao cristianismo na cidade egípcia de El Beni Suef, 115 km ao sul do Cairo. Nadia Mohamed Ali Mohab e seus filhos, Maged, Sherif, Amira, Amir, e Nancy Ahmed Mohamed Abdel-Wahab. As outras sete outras pessoas envolvidas no caso foram condenadas a cinco anos de prisão.

Nadia Mohamed Ali, uma mãe de oito filhos, nasceu cristã, mas se converteu ao Islã para se casar com seu marido Mustafa Mohamed Abdel-Wahab. Depois de sua morte, em 1991, ela decidiu voltar à sua religião original com seus filhos, segundo informações do Acontecer Cristiano.

O caso da família de Nadia começou em 2004, quando, após a conversão, ela e seus filhos decidiram mudar seus nomes muçulmanos em seus cartões de identidade com seu nome e cidade de mudança de residência. Para fazer isso, tiveram a ajuda de sete funcionários do Escritório de Registro Civil.

Em 2006, um de seus filhos foi preso pela polícia que, suspeita pelos documentos, levou o jovem que havia mudado seu nome para Bishoy Malak Abdel-Massih. Naquela época os policiais o interrogaram por horas até que ele confessou sua conversão ao cristianismo. Os juízes decidiram então prender a mãe e todos os seus filhos, além dos sete funcionários do escritório de registro civil.

A lei islâmica, Sharia, é a base da nova Constituição egípcia, o que torna punível com a pena de morte a apostasia. Porém os juízes afirmam terem usado de “benevolência” para condenar a família apenas à prisão.

Fonte: Gospel+ / Por Dan Martins

+ Leia mais...

Pastor entra em competição de MMA para ajudar a construir igreja

Pastor entra em competição de MMA para ajudar a construir igreja

Um pastor evangélico da cidade de Valdosta, no estado americano da Geórgia, está treinando para lutar em sua primeira competição de MMA. Mas, aos 44 anos de idade, ele afirma não estar fazendo isso pelo título, mas por sua igreja.

O pastor Kely Barcol vive em Valdosta há 10 anos, e na cidade começou uma congregação com apenas 5 pessoas. Sua igreja, Casa da Alegria, tem hoje 175 membros, e a única coisa que falta é construir seu próprio templo. Barcol vai lutar em uma competição de Mixed Martial Arts para ajudar a levantar o dinheiro. Todas as receitas da competição irão para a Casa da Alegria.

Depois de quatro anos de preparo físico e meses de intenso treinamento, o pastor vai entrar lutar no dia 26 de janeiro, e espera levar um bom resultado para a igreja, independente do resultado de sua luta.

- Eu me preocupo com ganhar ou perder, mas também, no fundo da minha mente eu estou pensando que se eu der o meu melhor e eu ainda perder, ainda é uma grande vitória para a igreja e para o reino de Deus – disse Barcol, segundo a TV ABC.

A igreja comprou 11 hectares de terra e, com a competição, eles estão esperando para levantar entre 10.000 e 20.000 dólares para construir a igreja.

Fonte: Gospel+ / Por Dan Martins

+ Leia mais...

“The Power of Few”: Filme tem como tema central a clonagem de Jesus. Assista ao trailer

 

“The Power of Few”: Filme tem como tema central a clonagem de Jesus. Assista ao trailer

“The Power of Few” é o título de um drama, estrelado por Christopher Walker e Christian Slater, que irá ser lançado em 2013. Escrito e dirigido por Leone Marucia, o filme vai mostrar a vida de cinco personagens incomuns que, sem saber, estão ligados a uma operação de contrabando que colide com uma conspiração religiosa e criminosa.

Recentemente foi divulgado o trailer do filme, que tem como tema central a clonagem de Jesus a partir do sangue no Santo Sudário, segundo informações do site Pipoca Moderna. Apresentado como um drama criminal centrado em cinco histórias diferentes, o filme mostra Walker como o ex-âncora de um noticiário local, que vive na rua falando sobre conspirações.

Orçado em apenas U$S 7,5 milhões, “The Power of Few” é o segundo longa-metragem do cineasta Leoni Marucia, que estreou com a comédia “Reaction” (2004). A estreia americana está marcada para 15 de fevereiro. Ainda não foi divulgada a data de estreia do filme no Brasil.

Assista ao trailer (em inglês):

 

Por Dan Martins, para o Gospel+

+ Leia mais...